05 junho, 2012

A GUITARRA: OBJETO OU ÍCONE?


Termo grego para designar qualquer instrumento de corda, a guitarra sofreu transformações drásticas ao longo do tempo. Mais do que um simples objeto musical, a guitarra elétrica é um ícone.
            Sofrendo diferenciação no seu nome apenas no Brasil (aonde violão equivale à guitarra acústica e guitarra à guitarra elétrica) o primeiro instrumento de cordas a chegar num design próximo ao que temos hoje foi a GUITARRA BARROCA, datada do final do século XVI. Cordas de tripa de carneio e um pequeno corpo, a GUITARRA BARROCA pode ser considerada a principal origem do instrumento que temos hoje. Diversas modificações no design ocorreram nessa época, a fim de garantir volume sonoro satisfatório para apresentações. Mas, só no final do século XVII que teremos um modelo aceito e padronizado:  A GUITARRA ROMÂNTICA, como era chamado o violão nessa época. Que tinha como característica uma caixa de ressonância maior, em forma de um “8”, e em sua grande maioria seis cordas. Embora, o design não tenha mudado, foi só no século XIX, nas mãos do espanhol Antônio Torres que as cordas de tripa deram lugar as cordas de nylon.